• Adestramento

  • Comportamento

  • Saúde

  • Cães de aponte

  • Curiosidades

Fox Terrier

Fox Terrier

Fox Terrier
Estes clássicos terriers ingleses cheios de energia, são fortes e brigões. Tanto os terries de pêlo liso, quanto os terriers de pêlo duro possuem as mesmas características, exceto pela textura da pelagem.

História do Fox Terrier

A raça Fox Terrier, conhecida desde o século XVI na Inglaterra, apresenta duas variedades, o Fox Terrier de pelo liso, o mais antigo, e Fox Terrier de pêlo duro. Os seus antepassados foram Teckels, Beagles e antigas raças de Terriers. Este destemido cão foi selecionado por volta de 1810 para a caça ao javali, ao texugo e principalmente à raposa (de onde provém o seu nome), quando entrava vorazmente em sua toca para o combate mortal. Com a criação do Fox Terrier Club, foi estabelecido um standard para as duas variedades. Tornou-se no Terrier mais célebre do universo cinófilo. A variedade de pêlo liso está menos difundida que a variedade de pêlo duro.

Características do Fox Terrier

Cão rústico, resistente, cheio de energia, rápido, incapaz de estar quieto. O Fox Terrier é um corajoso animal, dotado de um temperamento forte e carácter íntegro. Muito afetuoso com seus donos e meigo para as crianças. É um bom cão de guarda, vigilante e sempre alerta. Seus instintos de caçador fazem com que eles estejam sempre tentando impor sua dominância em relação à outros cães. Requer uma educação firme para controlar esses instintos e deixa-lo se tornar o companheiro ideal da família.
Altura: Macho: de 70cm a 80cm
Fêmea: de 58cm a 66cm
Peso: Macho: aproximadamente 8 kg
Fêmea: aproximadamente 7 kg
Grupo: Grupo 03 - Terriers
Seção 1 - De Grande e Médio Porte
Funções: Caça, guarda e companhia
Grau de atividade: Alto
Pêlo: Pêlo liso: reto, assentado, liso, firme denso e abundante. O abdome e a face interna das coxas não são descobertos.
Pêlo arame: denso, de textura muito dura, aproximadamente com 1,9 cm na zona das espáduas e 3,8 cm no garrote, sobre o dorso, costelas e patas posteriores. O pêlo na zona dos maxilares é áspero. Sub-pêlo curto e mais macio.
Cor: Pêlo liso: o branco deve predominar - inteiramente branco ou branco com marcações castanho ou preto-e-castanhas (tricolor) ou pretas. Marcas de tigrado, vermelho ou fígado, são altamente indesejáveis.
Pêlo arame: o branco predomina, com marcas pretas e preto-e-castanho ou castanho. Marcas de tigrado, vermelho, fígado ou azul ardósia são indesejáveis.
Nome de origem: Fox Terrier
País de origem: Grã-Bretanha
Registro FCI: 169

Filed Under:

7 comments

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Anônimo says:

    Tenho dois fox terrier de pelo duro, e tô quase louca!!!!
    Como educo essas criaturinhas insaciáveis????
    teimosos e a pilha nunca acaba!!!
    eles tem 4 meses, e preciso de um auxílio para educá - los.
    meu e-mail de contato é cadibeo@hotmail.com
    peço que entrem em contato pleeeaseeee.....
    heeellpppppp..... affff

     
  2. Anônimo says:

    Eu, Célia Brum acabei de perder ja com 13 anos e muito doentinha minha Fox Pelo de Arame, a Luana Bubbá morreu sexta-feira passada as 15:45h do Rio de Janeiro.

    Estou de luto e em depressão...






































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































     

  3. Anonimo, seus cães ainda são filhotes. É preciso pasciencia, exercicios diários como brincadeiras passeios etc. sugiro que procure um adestrador proficional para adestrar seus cachorros

     

  4. Fox Terrier não é uma raça para pessoas sem experiência com cães. Caso contrário seão dominadas e levadas à loucura.
    Não são apenas lindos cães, são teimosos, persistentes, independentes e valentes. O dono deve ser rígido na educação, além de ter noção básica de adestramento. Mesmo assim, é indicado que ele seja adestrado por um profissional.
    Eles são tolerantes com crianças, mas deve-se acomapanhar brincadeiras com crianças muito pequenas, pois eles tem instinto de acuar e caçar crianças pequenas.
    São muito ativos, indicados para adolescentes ou adultos esportivos.
    Aprendem comandos e truques facilmente, mas o comando "voltar" só será obedecido na idade adulta. Quando pequenos é muito difícil de ter sua atenção nos passeios pois estará sempre alerta caçando outros cães, ratos, pássaros, gatos e qualquer outra coisa que se mova.
    ...Apesar de parecer a descrição de um terrorista, quem consegue conviver os primeiros meses de vida de um cão desse se apaixonará ...

     

  5. Este comentário foi removido pelo autor.  
  6. Janaina says:

    Tenho um Fox Terrier pelo duro de 9 anos e não me vejo sem ele, adoro a energia dele e o fato dele ser muito dócil. Concordo com a opinião acima sobre ele caçar crianças pequenas, já percebi isso, e também ele é meio encrenqueiro mesmo, mas nunca tive problemas com os animais da família, pois ele convive desde filhote, mesmo assim até nas viagens de família ele está presente.

     
  7. Janaina says:

    Tenho um Fox Terrier pelo duro de 9 anos e não me vejo sem ele, adoro a energia dele e o fato dele ser muito dócil. Concordo com a opinião acima sobre ele caçar crianças pequenas, já percebi isso, e também ele é meio encrenqueiro mesmo, mas nunca tive problemas com os animais da família, pois ele convive desde filhote, mesmo assim até nas viagens de família ele está presente.

     

Deixe um comentário